09 June 2005

portugal em mono

Quando voltei houve pessoas interessadas em saber como, depois de ter estado no Japão, eu iria ver Portugal. Curioso que, logo na primeira esquina, com comentários às lobotomias do futebol e ao machismo dos piropos foleiros, tenha levado com comentários reprovadores “E só vês isso?”
Sim, se querem saber só vejo isso. Só vejo pessoas alarves e brutas, só vejo má-educação, só ouço má-educação, só ouço barulho, carros a apitar, demasiado futebol, demasiada apatia, estupidez, queixas e reclamações e tudo me parece desinteressante e vazio. A crise, a crise....
Sim, eu gostava de olhar à volta e ver Beleza mas é mesmo o Feio que me entra pelos olhos.
Deve ser isto o “reverse-cultural-shock”. Eu espero que isto seja o reverse cultural shock or I’m in big trouble...

Bom, salvando-me da minha própria apatia e desânimo (e às vezes involuntariamente contribuindo para os aumentar) aí estão eles, my friends, my family, but it's only by myself I will change the way I see my world.

7 comments:

  1. que tristes verdades.... é uma pena não é?

    ReplyDelete
  2. Bem, não querendo interromper a tua neura de estimação, acho que estás assim porque queres. Ali no post de baixo dizes que gostas do Porto. E como não andar feliz com o o céu azul e a luz branca a fazer brilhar os prédios ocres da baixa. E aqueles senhores velhotes de mãos curtidas do tempo e do trabalho e que ainda são sapateiros e merceeiro nesse sem número de lojas que não há em mais lado nenhum. E as noites que agora são quentes no Adamastor com uma vista única. E esta coisa tão simples que é tocar naqueles de quem se gosta?

    ReplyDelete
  3. Como te percebo... Na próxima semana espera-me um mês de Portugal e só eu sei o que vem depois da euforia do regresso e dos abraços aos de quem se sente falta...

    ReplyDelete
  4. Eu nunca vivi noutro país, mas sempre que saio de Portugal, nem que seja apenas por 2 semanas, regresso com esse desespero e ando assim 15 dias. Depois passa, mas fica-se sempre com outro olhar. Passas a ser "alien" na tua terra. Quando os "aliens" forem em número considerável, pode ser que se consiga mudar alguma coisa.
    O que faz mesmo falta a Portugal é as pessoas saírem mais de cá.
    Pelo menos podes ter a certeza que não és a única a pensar assim.

    Beijinhos.

    ReplyDelete
  5. Temos esta panca de psnar que somos maus. Muito maus. Quando não somos. Estamos atrasados em muitas coisas, é verdade, mas em aspectos básicos e de princípios estamos muito à frente de outros grandes países:
    -não somos racistas como alemães (1 em cada 9 jovens alemães tem tendências neo-nazis) e franceses (vejam o caso Le Pen);
    -não somos "legalize it all" como os holandeses;
    -não temos a mania que o MUNDO É USA, como os norte-americanos;
    -não somos machistas (sim, o verdadeiro país machista é o Japão e não Portugal!) como os japoneses;
    -não desrespeitamos os direitos humanos, como a China, a maioria dos países africanos e asiáticos;
    -não somos maníacos por qualquer tamagoshi ou David Becham como os japoneses.

    Por isso, não vamos fazer o mesmo discurso derrotista que as televisões fazem, à excepção do Marcelo Rebelo de Sousa, que é o único que puxa pela nossa auto-estima.

    E podemos falar muito de futebol, mas o único incidente grave futebolístico em Portugal foi o verylight, quando morreu um adepto no Estádio Nacional num Benfica-Sporting. Ao contrário de ingleses, italianos e alemães (já nem falo nos sul-americanos) em que já houve grandes tragédias, muitas delas devido a hooligans.

    Não façam o mesmo discurso derrotista de sempre. Já não pega aquela coisa de "lá fora é que é bom".

    ReplyDelete
  6. Eu já não vou para fora desde 1999
    e ainda estou com o mesmo problema.

    ReplyDelete
  7. sweetie,

    posso dizer-te que deois anos depois de ter voltado, já fiz as pazes com algumas coisas. O truque é saber aquilo que merece a nossa irritação verdadeiramente. O resto é arraia miúda e é melhor deix-lo para outros... mas demora tempo. O importante é o teu bem-estar - faz por isso!

    ReplyDelete

Leave your comments, ideas, suggestions. And thank you for your visit!

Pin it

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...