22 May 2005

start over is no way to begin

hhhmmm, cof cof... vamos lá, outra vez.
Eu sempre adorei viajar. A culpa é obviamente dos meus pais que me enfiaram num avião para a Grécia quando eu tinha 13 anos e provavelmente terei ficado maravilhada com a novidade e para sempre com o bicho carpinteiro das viagens.
A minha paixão levou-me das viagens do liceu a muitos destinos, da passeata com a mãe por Espanha, pelo curso de inglês em Inglaterra ao interrail.
Na faculdade apostei mais alto e fiz erasmus na Noruega, o meu primeiro choque cultural a sério.
Saberão muitos de vós que assim que se põem o pé por algum tempo lá fora e a experiência é altamente positiva, o bichinho transforma-se num monstro e assim que voltei para Portugal já só queria era sair outra vez...
Não ajudou ser estudante de arquitectura, uma missão (ou na maior parte das vezes uma cruz) que precisa de ser alimentada constantemente com novas maneira de ver, construir, ser...
Não ajudou ser estudante de arquitectura num país em depressão com professores a condizer que insistem que mostrar sempre o lado negro da profissão é ajudar-nos para o futuro...
Mas na realidade o que não ajudou fui mesmo eu que quero sempre mais e quero sempre diferente e tenho síndrome de peter pan...
A minha última aposta foi o Japão, um programa de intercâmbio, uma oportunidade única que agarrei com todos os dentes.
Em geral tudo o que eu temia antes de ir para o Japão não se verificou e muito do que eu achava que ia acontecer não aconteceu.
Uma mudança tão radical como o Japão tem esse maravilhoso condão de nos dar completamente a volta, arrasar todas as certezas e fazer-nos pensar e questionar tudo até ao rebentamento dos fusíveis do cérebro.
Não rebentei fusível nenhum, mantive a minha sanidade mental, e agora voltei.
Mas continuo lost in translation.
Mantive um blog enquanto estive no Japão, que poderão visitar aqui, e adorei a experiência, ajudou-me a entender muito pelo que estava a passar.
Mantê-lo deixou de fazer sentido, por isso, para continuar a entender pelo que estou/vou passar agora que voltei, criei este novo blog.

Pufff... a partir daqui sou eu às voltas a tentar encontrar o meu lugar.
Sigam o meu voo se quiserem.

3 comments:

  1. Wonderful blog, I really like it!
    keep up the good work in what ever you go for.
    If you or anyonre you know is interested in starting a website, you could go to my site/blog and check out what I have to offer: ##freedom##
    What's in your ##family## immediate future?
    If you have any interest.
    Phil

    ReplyDelete
  2. Vim à procura do primeiro texto. A Noruega é um verdadeiro choque cultural? Porquê? Para quem começou relativamente cedo (relativamente pois eu comecei com meses) a Noruega, assim como assim, ainda é a mesma Europa.

    Agora vou ler os primeiros textos de toda a gente.

    ReplyDelete
  3. Vim cá parar através da Claudia (Mastiga e deita fora) e estou a dorar o teu blog. :)
    Beijinho

    ReplyDelete

Leave your comments, ideas, suggestions. And thank you for your visit!

Pin it

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...